Saltar para: Post [1], Comentários [2], Pesquisa e Arquivos [3]




Estar sem os filhos

por Bruxa Mimi, em 18.07.17

Como contei no post anterior, esta semana durante o dia estou apenas com a Magia em casa. 

 

Sabe bem, mas o que eu queria mesmo era saber o que são as saudades dos filhos, aquelas de que tantas pessoas falam em textos bonitos que enchem a blogosfera e as redes sociais. E não é só pela Internet que tomo conhecimento das saudades de outras mães.

 

Tenho hoje em casa a Nina (nome fictício da minha empregada ou mulher-a-dias, como preferirem). A Nina é de um país do leste da Europa. A Nina vai passar férias no seu país de origem. A Nina tem um filho de 9 anos, que já foi de férias (com os tios). A Nina disse-me, já na semana passada, que a primeira semana lhe soubera bem estar sem o filho, mas que a partir da segunda lhe estava a custar muito chegar a casa e haver tanto silêncio.

 

Eu agora tenho uma bebé e sei que não a posso "despachar" para casa de alguém (nem quero!, acrescento, antes que chamem a Proteção de Menores para investigar o attachment que existe entre mim e a Magia), mas já sou mãe há mais de dez anos, nem sempre tive bebés em casa, e nunca experimentei ter saudades dos meus filhos!

 

Não sou apologista daquela ideia: "Há que experimentar tudo pelo menos uma vez na vida", mas esta experiência, sim, eu gostava muito de ter!

Autoria e outros dados (tags, etc)


2 comentários

Imagem de perfil

De Marta Elle a 18.07.2017 às 18:49

Isso vai acabar por acontecer quando eles forem mais crescidos. Vais dar por ti sozinha em casa.
Imagem de perfil

De Bruxa Mimi a 18.07.2017 às 21:44

Eu sei que há fases na vida e que há de chegar o dia em que sentirei falta da animação que as crianças trazem a uma casa, mas eu refiro-me apenas a sentir saudades durante uns dias.

Escrever palavras mágicas




Made by Vassoura



Palavras mágicas recentes

  • Bruxa Mimi

    Combinadíssimo! Uma pergunta: como fazes para colo...

  • mami

    Combinado 😉

  • Bruxa Mimi

    Pena que não tenhas estado, mesmo! Gostava de te t...