Saltar para: Posts [1], Pesquisa e Arquivos [2]




Made by Vassoura



Comentários recentes




Gostava de saber...

por Bruxa Mimi, em 31.01.19

... se já vos aconteceu, neste blogue, tentarem comentar e não conseguirem.

 

Se quiserem responder, mas não conseguirem (mais uma vez), escrevam um email para o endereço que está indicado no meu perfil. Eu responderei  a tudo (às vezes demoro, mas respondo!)...

Autoria e outros dados (tags, etc)

Etiquetas enfeitiçadas:

Estou em casa com a Magia

por Bruxa Mimi, em 31.01.19

A Magia está com febre desde sábado.

 

Não foi à creche esta semana. Na segunda-feira ficou o Rogério com ela. Na terça-feira ficou com a Nina. Em ambos os dias eu fui a casa almoçar, para ficar a par de como ela estivera durante a manhã.

 

Foi vista por um médico na tarde do terceiro dia, terça-feira.

 

O médico que a avaliou disse que não tinha nada nos pulmões, nem na garganta, nem nos ouvidos e que, por ele, ela podia frequentar a escola. No entanto, disse ele, como as escolas não gostam de ter por lá crianças com febre (como é óbvio e normal!!!), era melhor ela continuar em casa até ao fim desta semana, pois era muito possível que tivesse febre durante mais uns dois ou três dias. O Rogério não podia ficar nestes dias, de modo que fiquei eu.

 

Confesso que pensei que ia ter uns dias mais ou menos descansadinhos, e que ia dar para fazer algumas coisas de trabalho que tenho pendentes. É que na terça-feira a Magia esteve lindamente com a Nina - comeu bem, esteve bem-humorada, dormiu uma boa sesta; a única coisa que traía a sua condição de doente era a temperatura elevada.

 

As coisas não se passaram como eu estava à espera...

 

A Magia passou uma noite péssima de terça para quarta (não que as anteriores tivessem sido boas, mas esta foi particularmente má) e tem estado, ontem e hoje, com um apetite muito reduzido, com imensa tosse (quase non-stop), ranho que corre (quase) ininterruptamente (apesar das constantes limpezas com soro) e, a parte pior, muito chorosa, e muito, muito, murchinha (salvo alguns raros momentos). 

 

Apesar de tudo, hoje está a ser menos mau do que ontem (é mesmo "menos mau", não é "melhor"). A sesta teve uma duração habitual (quase duas horas), ao contrário da de ontem, que durou uns míseros 35 minutos.

 

Posto o que escrevi, cabe-me dizer que o médico fez muito bem em passar a baixa para os três dias, mas falhou na previsão de que a Magia podia ir à escola, se não fosse a febre. Ela está muito pior do que estava quando ele a viu!

Autoria e outros dados (tags, etc)

Etiquetas enfeitiçadas:



Made by Vassoura



Comentários recentes