Saltar para: Post [1], Comentar [2], Pesquisa e Arquivos [3]

Alheia a tudo... ou talvez não!

Blogue da Bruxa Mimi. Marido: Gato Rogério. Filhos: "Vassoura", "Varinha", "Feitiço" e "Magia" (14, 13, 11 e 4 anos).

5 comentários

  • Imagem de perfil

    Bruxa Mimi

    12.01.18

    Deixaste-me curiosa com a questão do livro. Quem é que o leu e queria publicar, tendo tu recusado como resposta? Se não houver problema em responderes...
  • Imagem de perfil

    Fátima Bento

    12.01.18

    Não, não há problema!
    É um livro de pedagogia, eu fui formanda e depois formadora numa "escola de Pais" - agora chamar-lhe-iam coaching parental. O livro abrangia desde a pré concepção até aos tweens (9-11 anos).
    Escrevi-o no final do meu curso e o coordenador achou que seria um excelente manual para os cursos seguintes. Registei-o no IGAC, e pu-lo à disposição para ser distribuído em livrinhos de fotocópias encadernadas. 
    Quem era eu para escrever um livro obre o assunto? Só tinha a minha experiência enquanto mãe e uma extensa e referenciada biliografia. Todos os formadores pressionaram - ainda há quem me pressione quando calha, mas não quis, nem quero editar.
  • Imagem de perfil

    Bruxa Mimi

    12.01.18

    Mas, Fátima, quem eras tu?? "Uma pessoa com experiência de mãe e uma extensa e referenciada bibliografia", precisamente. Quem é que achas que precisavas de ser para escreveres um livro sobre o assunto? Precisavas de ser uma pessoa que escreveu um livro sobre o assunto! Há quanto tempo escreveste o texto (só para não lhe chamar livro novamente)? Se já foi há alguns anos, se calhar podias fazer uma revisão, melhorar o que achares que precisa de ser melhorado, e colocares à disposição para editar. Se achas bem que seja fotocopiado e encadernado com argolas, então qual é o problema de ser encadernado de "outra forma"? Pensa nisso (ou não)!
  • Imagem de perfil

    Fátima Bento

    12.01.18

    Vou pensar... 
  • Escrever palavras mágicas:

    Se preenchido, o e-mail é usado apenas para notificação de respostas.

    Este blog optou por gravar os IPs de quem comenta os seus posts.